12 janeiro, 2015

Mas tenho receio que possa me ler (como se fosse possível) e ter certeza que nessas linhas tem um pouco (muito) de você.
Eu queria escrever sobre você, sobre como éramos bobos e como nos perdermos no nó que nossa história deu.
Eu queria escrever sobre você, com outro enredo, com outro final. Mais um pouquinho e nossa história daria um bom texto, quem sabe até um bom livro, e até poderia servir de inspiração. Mais um pouquinho e suspiraria quando terminasse de contar com um sorriso estampado como a vida nos enlaçou, como tudo parecia se encaixar ao seu lado, como me fazia bem. Mais um pouquinho e seríamos o casal mais estranho e complexo que conheceríamos e não histórias isoladas de algo que não aconteceu.
Eu queria escrever sobre você, sobre nossos planos, nossas conversas sem sentidos, nossas promessas desfeitas com o tempo. Queria escrever sobre suas manias, sua maneira de enxergar o mundo e sobre como você era. Tão teimoso, orgulhoso, tão eu.
Eu queria escrever sobre você. Sobre nós. Sobre como me sentia, como ardia meu peito, como as borboletas voavam no meu estômago com qualquer coisa que se dizia ao seu respeito.
Eu queria escrever sobre você. E o beijo não dado, o abraço não recebido, as juras de amor não ditas, as lembranças não esquecidas.
Eu queria escrever sobre você porque não há nada de interessante para dizer sobre mim. E porque talvez assim, eu consiga esvaziar o coração. 
Eu queria escrever sobre você porque de algum modo (mesmo estranho), dessa forma, me sinto conectada a você. Sinto como se ainda fôssemos próximos, como se ainda tivéssemos intimidade, como se ainda fizesse parte da minha vida. 

17 comentários :

  1. Eu não queria mas eu chorei, affe que lindo.

    http://michellenavast.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Aiiiiiiiii seus textos sempre mexendo comigo! hahaha parace que você escreveu meus pensamentos :~ é muito lindo viu?

    www.carolinalemelle.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Awn, que bom que gostou! Obrigada!! Volte sempre! :3

      Excluir
  3. Por vezes não sabemos o porquê de algumas separações, não é?! Mas o fato é que tudo passa, inclusive a dor.
    Amei o seu texto.

    Beijocas,
    Nina & Suas Letras

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente. Tudo passa, inclusive a dor! Obrigada pelas palavras e pelo elogio! Volte sempre! Beijo

      Excluir
  4. Como eu nunca tinha entrado nesse blog?
    Marcado como favorito aqui, sem duvidas! Acaba de ganhar uma fã.
    Suas palavras são muito profundas, bem encaixadas. Eu li em voz alta, acredita?
    Quero voltar aqui sempre!
    Estou a procura de blogs assim, profundos e com bom conteúdo.
    Parabéns!
    Beijos e beijos
    Nany Oliveira
    http://www.naqueleoutono.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Awn, nossa! Muuuito obrigada! Fico muito feliz por ter gostado! É muito bom ler isso! Volte mesmo! hahaha'
      Até mais
      Beeijo!

      Excluir
  5. Ana, esse texto mexeu muito comigo. Lembrou uma história que tá guardadinha lááááá no fundo, sabe? Acho que era algo que eu realmente queria ter escrito. E enviado. E depois esquecido para sempre.

    Beijos

    Bruna
    www.chezb.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Entendo. Essa daqui tirei láááá do fundo também! E acho que o alvo leu! :x e não sei definir se é bom ou ruim, mas depois eu descubro!
      Volte sempre!
      Beeijo!

      Excluir
  6. Ana, sem dúvida a nossa escrita nos torna um pouco mais proximos de quem está distante agora. Nos esvazia e nos preenche e nos faz muitas vezes costurar amores passados com dores bordadas. Lindo teu escrever.

    Beijoo'o

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente nos esvazia e nos preenche!! Nossa, li verdades muito bem escritas aqui!! Obrigada e volte sempre!
      Beeijo!

      Excluir
  7. Perfeito Ana e é dessa forma que deixamos pessoas em nossas vidas, é desta forma que elas permanecem...Escreva sempre, mesmo que não leiam, gostei demais!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Awn, obrigada! <3
      Volte sempre por aqui!
      Beijo

      Excluir
  8. "Tão teimoso, orgulhoso, tão eu."
    Esse texto poderia ter sido escrito por mim, sobre outro "você".
    Gostei demais.
    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pela visita! Volte sempre! :3
      Beeijo

      Excluir
    2. Mas você ainda pode escrever algo.. Ou não.
      Gosto quando se identificam com o que escrevo, obrigada!

      Excluir

Comente o que você achou,conte suas dúvidas e dê sugestões de como nós podemos melhorar o nosso serviço!
O post acima foi elaborado com bastante carinho (tenha certeza disso).
Beijo

Facebook

Leitores

Mais lidos do mês

Visualizações de páginas mensal

Tecnologia do Blogger.