29 abril, 2015
É estranho. Não consigo definir de outra maneira. Sempre acho estranho quando vejo alguém que se lamenta demais por está só ou com medo de não encontrar sua cara metade, procurando incessantemente a pessoa que vai fazer seu mundo girar em uma frequência melhor. Pra que essa pressa? Pra que esse medo? Pra que essa angústia? Tudo bem, eu até entendo. Imagino meu futuro com alguém do meu lado, sorrindo comigo enquanto andamos na praia, felizes por existir um na vida do outro, quem não quer isso? Mas eu não descarto a possibilidade de caminhar sozinha nessa praia sentindo o vento no rosto feliz por só existir. Sozinha. 
E acho que ninguém deveria encarar a solidão com tanto pavor. Conheço pessoas que não conseguem viver sem um namorado, ficante, qualquer coisa, desde que exista alguém além da sua sombra ao seu lado e acho isso meio bad. Sinceramente, ninguém deve ter medo da solidão. Ninguém deve ter medo de si mesmo. Ninguém deve ter medo de ir assistir uma comédia romântica sozinho no cinema, enquanto a sala está rodeada de casais. Ninguém deve ter medo de ser feliz, sozinho. Se você não consegue nem ser feliz sozinho, quem te garante que será assim com alguém do seu lado? 
Você tem que ir atrás da sua felicidade, sem essa de que ela depende de alguém. A pessoa tem que complementar sua felicidade, não ser a sua felicidade. Depositar sentimentos em alguém dessa forma é errado.
Então relaxa. Não é porque você está só agora que sua vida seguirá esse rumo, ou que você conhece várias pessoas e ninguém consegue ser o cara certo que ele não aparecerá. Senta. Respira. Observa. Faz uma pausa na tua vida, define tuas prioridades, busca ser feliz e desencana. Ainda há tanto a ser vivido que ficar pensando nisso só vai te deixar mais ansiosa, vai por mim. Pode até ser clichê, mas as coisas fluem melhor quando a gente não espera nada. Esse lance de criar expectativas demais só piora nossas possibilidades. E nos frustra quando não atingimos o que nos determinamos. É verdade. A vida não gosta de nos ver esperando que tudo aconteça como a gente planejou, ela gosta de nos surpreender. Então, por favor, pensa melhor sobre isso, conversa mais com alguém, escreve, desabafa, mas não fica com medo, não. 
Vire a proa do teu rumo e deixa a brisa te levar.
A estrada pode parece escura, mas no final ela sempre te leva a algum lugar. 
Não esquece disso. 

beijos e até mais! 

0 Comentários :

Leitora de meia tigela e metida a escritora nas horas vagas. Tenho mais afinidade com livros do que com pessoas. Sou impaciente, irônica e talvez te faça rir. E apesar de me esconder, me revelo em cada linha que escrevo.
Já quis ser de tudo nessa vida, mas me rendi aos encantos da publicidade. Aprendi que tudo fica mais bonito quando fazemos as coisas com amor e sem pensar no que vamos receber em troca. Sempre fico rindo feito uma louca, de tudo. Prazer, Thaís
Futuro publicitário, adoro artes em geral e quanto mais alternativa melhor. Amo café, álcool e programas ao ar livre com quem amo. Sou estranho, mas feliz.

Facebook

Leitores

Mais lidos do mês

Indicações

Visualizações de páginas da semana

Tecnologia do Blogger.